Hospital Geral de Roraima completa 29 anos de funcionamento

 Hospital Geral de Roraima completa 29 anos de funcionamento

Em quase três décadas, Unidade é referência de atendimento de alta complexidade (Foto: Sesau/Ascom)

Compartilhe nosso conteúdo

O mês de setembro tem um significado especial para os profissionais que atuam no Hospital Geral De Roraima Rubens de Souza Bento (HGR), isso porque dia 2 de setembro é comemorada a criação da unidade, que neste ano completa 29 anos de funcionamento.

Considerado referência no atendimento de alta complexidade, o HGR atende pacientes de Roraima, de outros estados e até de outros países. Nos últimos dois anos, por exemplo, a unidade atendeu mais de 188 mil pacientes.

Atualmente, o HGR conta com 221 leitos, divididos entre UTI’s, bloco de internação, o pronto socorro Francisco Elesbão e o pronto atendimento Airton Rocha.

Sendo um ano excepcional em que Roraima é afetado por uma pandemia, a diretora geral do HGR, Débora Maia, fala sobre os desafios que a equipe de saúde tem enfrentado.

 “Houve uma reorganização do fluxo para acolher os pacientes com a doença, levando em consideração a questão do isolamento e da impossibilidade de receber visitas de familiares, o que gerou a necessidade de uma atenção especial. O desafio é grande, mas superamos diariamente”, explicou a diretora.

Sempre em busca de aperfeiçoamento, a saúde tem investido em equipamentos e na qualidade do atendimento e serviço. Esses avanços são analisados pelo servidor Edgar Cruz, que atua na unidade há 26 anos.

“Faz parte do crescimento profissional e a satisfação de fazer parte dessa história poder ajudar a população e também acompanhar cada evolução da unidade, cada ampliação e reforma. São quase três décadas de serviço prestado ao Estado e, mesmo com todas as adversidades, o nosso objetivo de curar pacientes e salvar vidas tem sido atingido diariamente”, salientou.

Além disso, com a construção do Bloco E, o Hospital vai receber 120 leitos novos de internação, 40 leitos clínicos e 10 salas de cirurgia. Ainda com a conclusão das obras do grande trauma, será possível reforçar o atendimento humanizado em um ambiente mais acolhedor.

Bruna Cássia

Você também vai gostar de ler

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x