Governo planeja novas medidas para livrar Roraima da febre aftosa

 Governo planeja novas medidas para livrar Roraima da febre aftosa

Medidas foram definidas durante reunião com governador e presidente da Aderr (Foto: Secom-RR)

Compartilhe nosso conteúdo

O Governo do Estado, por meio da Agência de Defesa Agropecuária do Estado de Roraima (Aderr), está planejando adotar novas estratégias para elevar o Estado a zona livre de febre aftosa sem vacinação. Entre as medidas estão a melhora da estrutura da Aderr e o reforço na fiscalização.

O governador Antônio Denarium e o novo presidente da Agência, Roberto Siqueira, se reuniram nesta quarta-feira com objetivo de ampliar o trabalho de fiscalização sanitária animal no Estado e obter o reconhecimento da Organização Mundial de Saúde Animal (OIE) para que os produtores do Estado possam vender carne bovina para as demais unidades da federação, exceto para Santa Catarina, que é área livre da doença sem imunização.

“Precisamos do engajamento de toda equipe da Aderr para que Roraima figure dentre os estados que atendem aos critérios do Ministério da Agricultura (Mapa) para receber uma melhor classificação sanitária e sermos considerados livres da Aftosa e da Mosca da Carambola. Nosso governo investe em quem trabalha e produz”, disse Denarium.

Ainda conforme o governador, o papel da Aderr no cenário de crescimento econômico é fundamental em razão da vocação do Estado para produção de alimentos, o que consequentemente auxilia a economia de Roraima e a geração de emprego e renda.

O novo presidente da Aderr, Roberto Siqueira, disse que a prioridade é executar o plano estratégico de retirada da vacinação.

“O governador sinalizou que irá nos dar todo o suporte necessário para que possamos desenvolver nosso trabalho com eficiência. Aceitei esse desafio porque acredito que Roraima possui um grande potencial para o setor produtivo”, disse.

Com informações da Secom-RR

Bruna Cássia

Você também vai gostar de ler

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x