Intenção de consumo das famílias roraimenses volta a crescer após cinco quedas consecutivas

 Intenção de consumo das famílias roraimenses volta a crescer após cinco quedas consecutivas

Centro comercial de Boa Vista (Foto: Fecomércio/arquivo)

Compartilhe nosso conteúdo

Uma análise feita pela Fecomércio-RR com base nos dados da Pesquisa de Intenção de Consumo das Famílias (ICF), elaborada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo – CNC, mostra que em setembro o índice de intenção consumo das famílias roraimenses foi de 87,8 pontos.

Comparando com o mês anterior, o índice apresentou aumento de 1,5%, quebrando assim uma série de cinco meses seguidos de quedas, contudo, o ICF ainda apresenta um valor abaixo do nível de indiferença de 100 pontos, o que demonstra uma menor confiança em relação ao consumo. Comparando com o mesmo período do ano passado houve uma queda de 14,3%.

Seis dos sete índices que compõem o ICF apresentaram aumento em relação ao mês anterior, com destaque a elevação registrada no indicador de momento para comprar bens duráveis, que cresceu 12,09%, apesar dessa alta considerável, 74,4% das famílias entrevistadas continuam afirmando que este ainda é um mau momento para aquisição desse tipo de bem.

O único índice que caiu em setembro foi o relacionado à perspectiva de consumo, que reduziu 7,89%, por conta do aumento do número de famílias que acreditam que irão ter um consumo menor do que tinham no segundo semestre do ano passado, provavelmente motivado pelo aumento de preços observado nas últimas semanas.

Com informações da Fecomércio

Bruna Cássia

Você também vai gostar de ler

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x