Luiz Valerio

Energia elétrica é cara ou muito cara para 84% dos brasileiros

preço-da-energia-eletrica
Compartilhe nosso conteúdo

Oitenta e quatro por cento dos brasileiros, entrevistados pelo Ibope e pela Associação Brasileira dos Comercializadores de Energia (Abraceel), consideram a energia elétrica cara ou muito cara. Para a Abraceel, o valor pago pelos consumidores tem se tornado mais evidente nas despesas das famílias, já que as pessoas que consideravam o preço caro ou muito caro no ano de 2014 – primeiro de realização da pesquisa – chegavam a 67%.

Governo leva cestas básicas para ribeirinhos

Transporte de alimentos para o Baixo Rio Branco (9)
Compartilhe nosso conteúdo

O Governo de Roraima, por meio da Setrabes (Secretaria do Trabalho e Bem-Estar Social) e com apoio de parceiros, iniciou neste sábado, 15, pelo porto de Caracaraí, o deslocamento de mil cestas básicas para atender as comunidades ribeirinhas do Baixo Rio Branco.

“Obstáculos serão vencidos”, diz Bolsonaro

cerimonia_de_brevetacao_dos_novos_paraquedistas20200815_0411
Compartilhe nosso conteúdo

O presidente da República, Jair Bolsonaro, disse, hoje (15), durante cerimônia de formação de 749 novos paraquedistas no Rio de Janeiro, que conta com a lealdade dos militares ao país para superar os “obstáculos” que o país atravessa, sem esclarecer exatamente a que dificuldades se referia.

Agências da Caixa não abrem neste sábado

caixa_economica_federal0505202672
Compartilhe nosso conteúdo

Diferentemente das últimas três semanas, as agências da Caixa Econômica Federal não abrirão neste sábado (15) para saques do auxílio emergencial e do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). As retiradas serão retomadas ao longo dos próximos dias, num calendário escalonado de pagamentos.

Mucajaí vai receber R$ 600 mil para ações de limpeza urbana

assinatura convênio Mucajaí 3
Compartilhe nosso conteúdo

O Governo de Roraima vai destinar R$ 600 mil em recursos para serem aplicados na limpeza urbana da sede, vilas e comunidades do Município de Mucajaí. O foco é a saúde, uma cidade limpa reflete em menos casos de dengue, zika, chikungunya e Covid-19. A verba será destinada por meio de um convênio entre o Estado e Prefeitura.